Pré-história e questões com correção online

Recurso interessante 🙂 confiram.

História Online

Senhores, na próxima semana a maioria dos cursinhos preparatórios para vestibular retomam suas atividades. Portanto, vale a pena começar a retomar alguns conteúdos que serão abordados nessas primeiras semanas de aula.

Começarei com uma vídeo-aula sobre pré-história e três questões de múltipla escolha que deverão ser feitas online.

Para acessar as questões, clique no botão abaixo iniciar quiz:

QUESTÕES

Ver o post original

Anúncios

Fatores determinantes da evolução humana

Interessante a postagem do Portal Alexandria. Republicando o post.

Portal Alexandria

Telencéfalo altamente desenvolvido.

O telencéfalo compreende os dois hemisférios cerebrais, direito e esquerdo, e uma pequena linha mediana situada na porção anterior do III ventrículo. Estes dois hemisférios cerebrais são responsáveis, em parte, pela formação de nossa personalidade e o modo como compreendemos o mundo.

As pessoas com dominância do lado esquerdo tendem a ser mais:

  • Analíticas
  • Lógicas
  • Voltadas para as palavras concisas
  • Voltadas a detalhes

As pessoas com dominância do lado direito tendem a ser mais:

  • Visuais
  • Intuitivas
  • Imaginativas
  • Atentas ao ambiente

 Polegar opositor

 O polegar opositor trabalhando junto com o telencefalo permite maior habilidade em trabalhos complexos como o desenvolvimento da escrita ou pintura pela sua pegada em forma de pinça.

Coluna vertebral ereta

A posição da coluna vertebral evoluiu de acordo com os novos desafios  em que se encontrava o homem ao longo de sua jornada evolutiva. Dando novas formas e novas possibilidades de mobilização…

Ver o post original 8 mais palavras

A cura através dos alimentos a 30.000 anos

Uma equipe internacional de investigadores de Universidade Independente de Barcelona (Espanha) e da Universidade de York (Reino Unido), forneceu a primeira evidência molecular de que os homens de neandertal ((Homo Neanderthalensis) comiam uma variedade grande de alimentos vegetais cozidos e sabiam também seus valores nutricionais e qualidades medicinais. Continuar lendo

Caverna na Namíbia revela registros antigos de animais domésticos

Explorando uma caverna da Namíbia, arqueólogos encontraram as evidências mais antigas de animais domesticados na África subsaariana.

A caverna, que fica na região noroeste do país, contém ferramentas de pedra e ossos, contas e pingentes, pedaços de cerâmica e ossos de vários animais – galinha, avestruz, lagarto-monitor, tartaruga, impala, damão-do-cabo e diversos roedores.

Os pesquisadores também descobriram dois dentes que podem ser de cabra ou carneiro – eles estão gastos demais para permitir a diferenciação, mas o formato condiz com dentes de cabras e carneiros domésticos africanos da atualidade. Atualmente, não existem carneiros ou cabras selvagens na África subsaariana. Embora algumas espécies selvagens talvez tenham sido extintas há aproximadamente 12 mil anos, não há evidências de sua presença na região oeste do continente. Os pesquisadores estão certos de que os restos mortais encontrados pertencem a animais domésticos.

Os dentes têm 2.190 e 2.270 anos. Os restos mortais mais antigos até agora, datados por radiocarbono, são de um carneiro de 2.105 anos descoberto na África do sul.

O estudo é uma colaboração entre o Museu Nacional da Namíbia e o Museu de História Natural de Paris e está publicado no periódico PLoS One. Principal autor do estudo e professor adjunto do museu parisiense, David Pleurdeau afirmou que a descoberta não significa necessariamente que a população que morava próximo a esse sítio criava animais domésticos.

“Não há evidências na caverna de que os residentes eram pastores”, afirmou. “Não sabemos ainda se eles eram pastores que migraram para a região ou um grupo local que introduziu alguns carneiros.”

Fonte:http://www.anda.jor.br/31/07/2012/caverna-revela-registros-antigos-de-animais-domesticos